segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

o silêncio 
mais necessário
ao cansaço absurdo de teu nome
cedo e calo

Nenhum comentário:

Postar um comentário